top of page

SERVIDORES APOSENTADOS: Memória e Gratidão | Entrevista com professora Wilia Maria da Silva



A Secretaria Municipal de Educação do município de Jussara deu início ao projeto virtual “Servidores aposentados: memória e gratidão”. O intuito é homenagear, através de entrevistas, os (as) servidores (as) aposentados (as) que contribuíram para o desempenho da educação no município. A servidora homenageada hoje, 13, é Wilia Maria da Silva, professora aposentada.


Qual a cidade e a escola em que cursou a educação básica(ensino primário e secundário)?


Em Jussara (GO), no Colégio Estadual Dom Bosco.


Qual o curso de graduação (área, universidade e ano de conclusão)?


Pedagogia, na UEG em 2003.


Qual o curso de especialização (área, universidade e ano de conclusão)?


Orientação educacional e Educação Especial e Inclusão.


Possui curso de mestrado (área, universidade e ano de conclusão)? Qual?


Não.


Quando ingressou na rede municipal de ensino?


Em 1991.


Qual foi o ano em que se aposentou?


2021.


Exerceu alguma outra profissão antes de ser docente? Se sim, qual(is)?


Não.

Na sua trajetória de vida, em que momento escolheu a docência como profissão?


Quando eu vendia roupas e fazia faxinas par sustentar meu filho recém nascido.


O que, ou quem, influenciou sua escolha por ser docente?


Uma amiga chamada Cleunice.


Onde foi sua primeira experiência profissional como docente (já na rede municipal de ensino ou em outra instituição)?


Na rede Municipal de ensino.


Como foi sua primeira experiência profissional como professor da rede municipal de ensino (dificuldades, desafios, aspectos positivos)?


Muitos desafios. Iniciei em uma fazenda (Primavera ) numa sala multisseriada.


Na carreira docente, quais foram suas experiências profissionais mais significativas?


O quinto ano e a sala de AEE na qual me dediquei 8 anos de trabalho pela educação especial. Amo o que faço.


Na carreira docente, quais foram suas experiências profissionais mais frustrantes?


Não me lembro.


O que a profissão docente te oportunizou na vida?


Muito aprendizado, ser cada dia melhor.


O que a profissão docente te impediu na vida?


Ganhar muito dinheiro.


Em algum momento pensou em desistir da profissão? Se sim, por quê?


Não.


Como se sentiu ao se aposentar?


Realizada. Uma sensação de missão cumprida.


Quais foram suas primeiras impressões sobre a rede municipal de ensino de Jussara (GO) quando ingressou como docente?


No início era tudo muito difícil, era só um salário mínimo que ganhávamos. Poucos recursos pedagógicos, entre outros.


Como eram as instalações físicas quando você era docente na rede municipal?


A sala de aula era num galpão, só tinha um quadro negro e giz.


Como era a relação entre os professores que atuavam na mesma época em que você?


Boa. Tinha planejamento onde trocávamos experiências.


Como era sua relação com os professores que, na época, já estavam aposentados?


Não tínhamos contato.


Como era a relação entre os professores e os técnico-administrativos que atuavam na mesma época em que você?


Boa.


O que você pensa sobre a contribuição dos professores para a organização e funcionamento da rede?


Devia ter mais encontros para trocas de experiências.


Que mensagem gostaria de deixar aos atuais professores da rede municipal?


Não desistam de seus alunos, eles tem experiências que podem ser importantes para o seu crescimento profissional.


Como se sentiu ao rememorar sua trajetória profissional?


Sempre é bom relembrar tempos bons. Sinto saudades dos lugares por onde passei nesses 30 anos de trabalho na rede Municipal de Ensino de Jussara.




Entrevista concedida em 11 de outubro de 2021.

2 comentários
bottom of page